Dra Hegena Costa | Rinoplastia
A Clínica Dra Hégena Costa tem uma filosofia marcada pela busca permanente da excelência e pela valorização do atendimento integral ao paciente. Com este compromisso, preocupa-se em associar a mais avançada tecnologia a um atendimento especial, realizado por uma equipe médica e de enfermagem de alta qualidade e em permanente processo de aprimoramento. Com atuação nas áreas de otorrinolaringologia, cirurgia plástica facial, diagnósticos das patologias craniofaciais e tratamentos estético-faciais, está entre as instituições do país a oferecer terapias de ponta, sempre atualizadas e pautadas pelo respeito e proximidade com o paciente.
rinoplastia, plástica de nariz, rinoplastia estruturada em uberlândia, botox, toxina botulínica, preenchimento, otoplastia, plástica de orelha,lifting, cirurgia de páplebras, blefaroplastia, bichectomia, fios de pdo, miracu, fios de sustentação, co2 fracionado, peelings
733
page-template,page-template-full_width,page-template-full_width-php,page,page-id-733,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1300,footer_responsive_adv,qode-content-sidebar-responsive,qode-theme-ver-10.1,hide_inital_sticky,wpb-js-composer js-comp-ver-5.0.1,vc_responsive

Rinoplastia

Rinoplastia

Plástica do Nariz

A Rinoplastia corrige os problemas estéticos do nariz e pode associar o tratamento de problemas funcionais (obstruções, sinusites crônicas, seqüelas da alergia) em um mesmo procedimento. Realizada atualmente por via videoendoscópica e, portanto, evitando o uso de tampão, conta com novas técnicas que asseguram resultados extremamente naturais e que levam em conta a harmonia com o tipo de rosto. Ao planejar a cirurgia, utilizam-se medições da face e uma análise gráfica rigorosa que analisa o tamanho e a angulação ideal do nariz.
A cirurgia é feita em regime hospitalar, mas com alta no mesmo dia, após algumas horas de observação. Pouco dolorosa, não exige repouso prolongado e as atividades leves cotidianas são retomadas já ao segundo dia.
Com o advento da chamada “rinoplastia estruturada”, propagada inicialmente pelo cirurgião americano Dean Toriumi, atualmente é possível a reconstrução de narizes mais sequelados que outrora eram incorrigíveis, utilizando-se para isso os enxertos de cartilagem do próprio septo, da concha da orelha ou da costela, de acordo com a indicação.
O paciente recebe alta com um imobilizador de material plástico auto-adesivo que permanece por sete dias. A atividade física é retomada em média dentro de 15 dias.